Chamando a atenção de Deus

151 visualizações | Reflexões
Publicado em 10.02.2017

Só existe uma maneira de atrair o olhar de Cristo para você

No período em que Jesus passou na Terra foram listados diversos milagres e acontecimentos operados por Ele. O Filho de Deus esteve sempre cercado dos que mais necessitavam, doentes, leprosos, cegos, viúvas, adúlteros e tantos outros. Pois, assim como está escrito no livro de Lucas, capítulo 5 e versículo 32, Cristo não veio para os justos e sim para os pecadores.

 

Diante disso nos deparamos com uma mensagem que exemplifica bem como Deus opera até os dias de hoje.

 

Ora, certa mulher, que havia doze anos padecia de uma hemorragia,
e que tinha sofrido bastante às mãos de muitos médicos,
e despendido tudo quanto possuía sem nada aproveitar, antes indo a pior,
tendo ouvido falar a respeito de Jesus, veio por detrás, entre a multidão, e tocou-lhe o manto;
porque dizia: Se tão-somente tocar-lhe as vestes, ficaria curada.
E imediatamente cessou a sua hemorragia; e sentiu no corpo estar já curada do seu mal.
Marcos 5.25-29

 

Uma multidão seguia Jesus, seja por curiosidade, por ter ouvido falar dos seus prodígios ou em busca de alguma benção. Ele sempre estava cercado de pessoas de todas idades. Mas certa vez ele percebeu alguém diferente no meio de tantas outras.

 

E logo Jesus, percebendo em si mesmo que saíra dele poder,
virou-se no meio da multidão e perguntou: Quem me tocou as vestes?
Marcos 5.30

 

No meio de uma grande massa de pessoas é inevitável não ser tocado por ninguém. E por isso até os discípulos ficaram surpresos quando Jesus perguntou quem havia lhe tocado. É claro que muitas pessoas tocavam n’Ele, ainda mais em meio a multidão. Porém alguém fez isso de uma forma diferente. Seus discípulos não entendiam, mas Ele notou que a partir de um certo toque saiu poder de si.

 

Se destacando em meio a multidão

 

 

Jesus estava indo socorrer outra pessoa que tinha ido buscar sua ajuda, mas ainda assim aquela mulher creu que nem se quer precisava que Ele a visse para ser curada. Um toque em sua roupa era o suficiente. Ela pensou que não seria notada e ninguém iria perceber a sua presença ali, tão pouco Cristo. Entretanto, ocorreu exatamente o contrário.

 

Muitos vão em busca de Deus, frequentam a igreja, oram em casa e até acordam de madrugada para clamar e jejuam com regularidade. Mas não são todos que alcançam as bênçãos do Senhor. Eles fazem isso como hábito, alguns aprenderam desde criança, mas poucos manifestam a fé.

 

Não adianta seguir Jesus e não viver em pecado, se dentro de si não é manifestada a fé verdadeira em Deus. Aquela mulher não queria ser notada, mas mesmo sem perceber acabou despertando uma atenção que muitos gostariam de ter despertado. Porque? Por que ela foi determinada e manifestou uma fé verdadeira, capaz de operar maravilhas.

 

Vamos supor que ela apenas tivesse ficado em casa imaginando o que fazer para receber a cura. Idealizando como chegar até Cristo, que sempre estava rodeado de tantas pessoas. Se ela ficasse só pensando e não tomasse uma atitude, Jesus nada poderia fazer por ela.

 

E quantos estão assim na atualidade? Fazem tudo certo, seguem a risca os mandamentos e doutrinas, mas na hora de manifestar a fé com obras lhes faltam atitudes genuínas?

 

A maior dádiva divina que alguém pode receber é ter em si o Espírito Santo, mas não querem abrir mão da rotina, de buscar mais e tomar a decisão de participar do Jejum de Daniel, por exemplo. Querem ter os frutos e dons do Espírito de Deus, mas se recusam a se sacrificar por Ele. Não existe outra maneira de chamar a atenção de Jesus e agradar a Deus sem ser por meio da fé, que automaticamente geram atitudes e ações embasadas nela.

 

Pense nisso e comece hoje mesmo a viver pela fé e atrair a atenção de Deus ao seu favor.

 

Expectativas para a segunda temporada de Sense8

O novo ano da atração contará com muitas revelações e uma guerra iminente

Deixe Deus lutar por você

O filme Quarto de Guerra ultrapassa a religião e revela o poder inegável da fé em Deus

Blogueira Aline Pepe fala sobre sua paixão pela Disney e como é a vida em Orlando

A carioca conta detalhes de seu trabalho na Disney World, além de explicar como foi morar, definitivamente, ao lado do seu lugar preferido no mundo

A geração solitária

Geração Y é conectada ao mundo, mas desligada da vida real

Organização financeira é a chave para conquistar sonhos e objetivos de vida

Contadora dá dicas de como planejar as finanças e caso de sucesso inspira garotas que querem atingir suas metas