Quando os traumas do passado afetam sua relação atual

97 visualizações | Reflexões
Publicado em 11.05.2017

Feridas de um relacionamento ruim precisam ser tratadas antes de entrar em uma nova relação. Aprenda como!

Existem casos de pessoas que se fecham tanto a ponto de demorar anos para conseguir se relacionar com alguém outra vez e quando tentam, essas relações tendem ao fracasso imediato por motivos variados. Medo, insegurança, dúvida, mentiras, falta de compreensão, bloqueio e auto-preservação são apenas alguns dos obstáculos que impedem alguém de ser feliz de verdade no amor, por causa de um trauma anterior.

 

Há quem acredite em diversas possibilidades, como "só se ama uma vez na vida", "nunca vou encontrar alguém como ele", ou até mesmo "minha chance de ser feliz já passou". No entanto é preciso acreditar em uma coisa só, se não deu certo é porque não era pra ser e o amor da sua vida vem vindo aí. Não tenha pressa!

 

Certas feridas ainda persistem em ficar, por isso é necessário se curar primeiro, antes de correr para os braços de outro buscando consolo, pois não vai adiantar. Ferida sarada é ferida que não machuca mais, que não incomoda, que virou cicatriz e já não existe mais. Ou seja, as inseguranças são rompidas e não será no primeiro “precisamos ter uma conversa séria” que você irá se desesperar achando que tudo irá desmoronar.

 

Tratando as feridas

 

Quando as feridas se tornam cicatrizes, o segundo passo é eliminá-las, fazer uma cirurgia mesmo, um tratamento que removerá todas as marcas do passado, sabe como? Invista em cuidar de você, cuide dos seus sentimentos, do seu coração, não permitindo que nenhum “engraçadinho” o quebre outra vez. Separe um tempo exclusivamente pra você, não estou falando de algumas horas de seu dia, ou de um final de semana qualquer, separe semanas, meses e até um ano só para você. Dedique-se a ser feliz de forma tão suficiente e eficiente até perceber que não precisa de ninguém pra alcançar isso, a real felicidade não está no outro, está dentro de você.

 

Após isso não há mistério, seu coração e seus sentimentos estarão renovados e sem nem forçar muito irá notar que não precisa de muito pra ser feliz, as pequenas coisas te alegrarão. Um coração verdadeiramente curado não procura coisas bobas para se entristecer.

 

O próximo passo deve ser dado apenas quando se sentir realmente preparada, mesmo estando solteira, isso não significa que está totalmente avessa à relacionamentos, muito pelo contrário, durante esse tempo, após a dedicação inteira e total a você mesma, procure aprender sobre relacionamentos. Isso mesmo! Aprenda com os erros do passado, saiba como evitar de acontecer novamente e entenda também sobre os outros erros vistos em relações ao seu redor, que também podem ser evitados quando você estiver se relacionando com alguém. Mas não são só os erros, aprenda lições que podem ser tiradas de situações cotidianas, entenda que ninguém é perfeito, que sempre haverá diferenças, imperfeições, defeitos, que o outro nunca vai ser igual a você e que mesmo assim com tantos erros e defeitos a pessoa que te ama de verdade vai perseverar ao seu lado em qualquer circunstância.

 

E por fim abra seu coração sem reservas, sem trancas ou amarras, deixe a janela aberta e só abra a porta pra alguém de total confiança. Traduzindo, depois de se curar, tratar das cicatrizes, investir em você e aprender sobre relacionamentos saudáveis, passe para o passo principal e olhe as possibilidades. Chega de se fechar para tudo e todos, deixe que cheguem até você, mas não dê liberdade pra qualquer um. Investigue, observe e espere a certeza da confirmação. A luz verde de siga em frente surgirá em sua consciência quando você encontrar a pessoa certa.

 

 

Stephanie Suero fala sobre carreira e sonho americano

Em entrevista, a youtuber paulistana conta sobre a rotina nos EUA e seu futuro profissional

Brasileiros buscam vida melhor fora do país

Segundo a Receita Federal, saídas definitivas do Brasil cresceram 67%

Aprenda como vencer as lutas

No segundo filme das Crônicas de Nárnia, Príncipe Caspian, os irmãos Pevensie se veem diante de uma adversidade nunca vista, mas descobrem como vencer junto com Aslam

A fé radical

Aprenda com Daniel e seus amigos a tomar a decisão de escolher a Deus em todos os seus caminhos

Carnaval da alegria

Em meio a tantas injustiças não dá para pensar diferente. Dizem que o Carnaval é uma festa de alegria, para se divertir e esquecer os problemas. Será mesmo?